Google Analytics em tempo real e com serviço Premium

Foto: Divulgação

O Google Analytics é uma ferramenta que oferece serviços de monitoramento de audiência na web. É utilizado não só por donos de sites ou blogs, mas também por grandes empresas.

Como complemento deste serviço, o Google resolveu lançar 2 grandes novidades esta semana: o Google Analytics com monitoramento em tempo real, e o Google Analytics Premium.

Com o monitoramento em tempo real dos visitantes que chegam, é possível saber de forma eficiente, qual é o impacto que suas ações e seu conteúdo divulgado está causando nas redes sociais, por exemplo. Além disso, você pode monitorar uma campanha no momento em que ela está ocorrendo, e dependendo do resultado, você poderá realizar correções ou mudanças de estratégias.


Para ter acesso ao monitoramento em tempo real, é necessário utilizar a nova versão do Google Analytics. Para isso, clique no link na parte superior direita da tela e a alteração será feita. Além disso, você deverá ser o administrador da conta, ou um usuário sem filtros, já que o monitoramento em tempo real não suporta filtros.

O outro novo serviço oferecido pelo Google, é o Google Analytics Premium, que oferece 4 principais vantagens:

1) Maiora processamento para suportar os sites muito visitados;

2) Análise avançada de dados do seu site

3) Suporte 24 horas por dia

4) Contratos de garantia de coleta, processamento e relatório de dados.

Os preços para contratar o Google Analytics Premium ainda não foram divulgados, mas segundo o Google, serão valores pagos anualmente, como já disponível nos países EUA, Canadá e Reino Unido, e com o tempo estarão disponíveis para outros países.

Abaixo, assista o vídeo de divulgação do serviço Premium do Google Analytics:

Share on Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>